sexta-feira, 18 de novembro de 2011

#38

11:47 pm
Pára! Deixa de alimentar este monstro estranho, deixa de dar razões para eu te amar, por outras palavras, apenas te peço que deixes de ser quem és, será assim tão complicado? Peço-te apenas que abandones a tua alma, e que deixes a tua essência morrer. Larga o teu jeito que me faz delirar, sim penso que não precises dele... Mas olha, caso não estejas disposto a fazer-me este pequeno favor, peço-te que me esfregues na cara que já chega de esperanças. Não continues a deixar-me na ponta do penhasco.
Sempre tua,

2 comentários:

MárciMatias disse...

Esse monstro continua a crescer?

A serio ?? Mas que proposito disseste stora?

Daniela disse...

Força querida :$